Ouça agora na Rádio

foto-locutor

Buscando...

Buscando...

Locais/Regionais

Compartilhe agora

PCH Bela Vista deve entrar em operação no início de junho

Postado em 10 de maio de 2021 por

img-page-categoria

*Fonte imagem : PCH Bela Vista deve entrar em operação no início de junho*


Montagem da primeira unidade geradora está sendo finalizada para entrar em teste

A Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Bela Vista, entre Verê e São João, deve começar a gerar energia nas próximas semanas. A previsão da Copel é de que a primeira unidade geradora entre em operação no início de junho e, até lá, várias frentes trabalham na finalização do empreendimento. Um dos principais serviços realizados neste momento é a montagem eletromecânica, que envolve cerca de 50 pessoas. Os equipamentos estão sendo instalados e colocados em funcionamento numa fase de avaliação.

Nesta semana, inclusive, estavam previstos os primeiros testes na unidade geradora 1. Segundo a Copel, a segunda unidade geradora está na fase intermediária de montagem e a terceira, na inicial. A operação será escalonada e a capacidade total da PCH é de 29,81 MW, energia suficiente para atender até 100 mil pessoas. Também há cerca de 230 trabalhadores envolvidos nas obras civis.

A central hidrelétrica está 95% concluída, mas ainda são executadas obras complementares, finalização de acessos definitivos e algumas salas de apoio, além de acabamentos na estrutura do vertedouro e casa de força. Outra frente atua na implantação da subestação da PCH, que está sendo finalizada e recebeu os primeiros testes nesta semana. As linhas de distribuição de alta tensão já foram montadas e as equipes estão lançando os cabos. Para ligação na subestação Dois Vizinhos — de onde a energia será distribuída ao sistema nacional — são feitas interligações de equipamentos e painéis.

Subestação da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Bela Vista está sendo finalizada. A energia será enviada a Dois Vizinhos e distribuída ao sistema nacional

LAGO FORMADO


O reservatório da Bela Vista se estende por mais de dez km no Rio Chopim e abrange 266 hectares — deste total, 209 já eram calha do rio e 57 hectares correspondem à área alagada. O enchimento começou há um mês e já foi concluído, tendo sido realizado com acompanhamento de profissionais na captura de animais que viviam na área atingida pelo lago. Foram resgatados 20 mamíferos, 44 répteis, 12 anfíbios e 3 aves; alguns filhotes e ovos precisaram ser encaminhados ao zoológico da Unisep. 

A construção da usina já está beneficiando os moradores dos dois municípios onde está instalada. A travessia do Chopim, até então, era feita por balsa. A nova ponte está liberada para o tráfego leve durante o dia e vem recebendo acabamentos gerais, instalação das defensas, sinalização, pintura e recuperação da área do canteiro, serviços que devem terminar no próximo mês. 

Fonte: Jornal de Beltrão – Leandro Czerniaski

Deixe um comentário

Ao enviar um comentário você concorda com nossas politicias de comentários, saiba no link ao lado. política de comentários