Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Furto de grande quantidade de mandioca em São João

Furto de grande quantidade de mandioca em São João

Postado em 18 de maio de 2021 por

Compartilhe agora
Alaídes Dendena e Vilmar de Souza observam a destruição na plantação de mandioca

O natural de uma cidade que está em desenvolvendo é o surgimento de novos loteamentos. De alguns anos pra cá, é o que acontece em São João. Os compradores desses lotes destes novos loteamentos muita vezes não realizam uma construção de imediato. Esperam para revender, ou ainda, organizar a própria situação financeira para construir uma residência ou um estabelecimento comercial. Para o lote não ficar sujeito a proliferação de animais peçonhentos como aranhas e cobras devido ao crescimento de capim e ervas daninhas, muitos proprietários disponibilizam esses mesmos lotas para terceiros plantar mandioca, batata doce, feijão e até verduras com o objetivo manter o imóvel limpo.

O “ladrão” deixou as raízes mais pequenas

No último domingo duas pessoas procuraram a nossa reportagem os senhores Alaídes Dendena e Vilmar de Souza. Ambos relataram que juntos “cuidam de aproximadamente 10 lotes no Loteamento Dendena em São João e que plantam para consumo próprio e para vender, é um ganho extra pra ajudar nas despesas da casa”. Segundo o que foi relatado, em um desses lotes onde eles plantam mandioca, “os amigos do alheio” levaram aproximadamente “duas carreiras de pés de mandioca”. O individuo que fez tal ação não vai utilizar essa quantidade para consumo, provavelmente já revendeu. Ambos relataram a nossa reportagem o desanimo sendo que “… embora seja mandioca, o trabalho é pesado, limpar o lote, caducar, colocar a rama e esperar a planta crescer, isso dá serviço e daí vem um aí e faz isso, desanima…” salientou um deles.

Foram levados aproximadamente “20 pés de mandioca”


Enquanto a nossa equipe registrava as imagens, outro morador do Loteamento Dendena o senhor Jeferson Mascarello também relatou que também levaram “alguns pés de mandioca onde ele planta”. Em entrevista ao Repórter Douglas Nunes da Rádio São João AM 1580, o Senhor Jeferson Mascarello relatou sua indignação:

Entrevista do morador Jeferson Jacinto Zanardi Mascarello

Um boletim de ocorrência já foi registrado e como o bairro é residencial, algumas casas possuem câmeras de segurança onde poderá ser identificado o responsável.

Departamento de Jornalismo da Rádio São João AM 1580

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.